ARCHICAD – Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM?

5/5 - (1 voto)

ARCHICAD – Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM favorito?

Confira neste artigosos motivos que me levaram a trabalhar com a Graphsoft!

Novos tempos, novas tecnologias.

Acabou! Chega de deixar para depois. É chegado o momento de colocarmos definitivamente os pés no futuro.

Mais do que nunca você tem um motivo muito sério para dominar um programa BIM o quanto antes.

Já está todo mundo sabendo que por meio da publicação do Decreto nº 9.377, de 17 de maio de 2018, o governo federal oficializou a Estratégia Nacional para a Disseminação do Building Information Modeling (BIM), cuja finalidade é promover um ambiente adequado ao investimento da metodologia BIM e sua difusão no Brasil.

Exigências do Governo.

* * * A partir de janeiro de 2021:  a exigência de se trabalhar em BIM se dará na elaboração de modelos para a áreas da arquitetura e engenharia, nas disciplinas de estrutura, hidráulica e elétrica, na detecção de interferências, na extração de quantitativos e na geração de documentação gráfica desses modelos;

* * * A partir de janeiro de 2024: os modelos deverão contemplar as etapas que envolvem a obra, como o planejamento da execução da mesma, a orçamentação e a atualização dos modelos e suas informações como construído, método mais conhecido como (“as built”). Além claro, das exigências anteriores na primeira fase.

* A partir de janeiro de 2028: finalmente chegaremos à etapa que passará a abranger todo o ciclo de vida da obra ao considerar as atividades do pós-obra.

Publicidade - OTZAds

Mas você ainda trabalho com AutoCAD?

Se você é Arquiteto/a como eu e trabalha com Arquitetura de Edificações ou ainda Design de Interiores e se encontra apegado as ferramentas e as linhas de representação simples do AutoCAD não se desespere.

Eu sei que não é fácil abandonar o uso de um programa que você domina 200% sendo que você está acostumado com ele há anos e trocá-lo por um programa novinho com novas tecnologias e detentor de um conceito que a primeira vista pode parecer ser um bicho de 7 cabeças.

É, eu te entendo! Eu também passei por essa fase da não aceitação, da resistência, do medo, da teimosia…

No entanto eu venci o medo. Rompi com as barreiras do eu não tenho tempo de estudar, de me aprofundar, de trocar o conhecido pelo desconhecido, ou então desculpas do tipo: ah, mas vai demorar muito pra eu colocar em prática tudo o que eu já sei nesse novo programa e em seu novo modo de projetar.

Há 15 anos atrás:

Antes de falar do futuro, permita-me voltar um pouco ao passado!

O ano era de 2005! Eu fiquei totalmente encantada ao entrar em contato com o primeiro programa que inaugurou o sistema BIM no mundo, o ARCHICAD!

Um programa que traduzia todas as necessidades dos arquitetos, na verdade um programa pensado e criado por arquitetos para arquitetos.

Mas infelizmente eu deixei aquela oportunidade passar e infelizmente não escolhi o ARCHICAD como o meu programa.

Confira também:  Dicas de SketchUP - 12 Dicas para melhorar seu desempenho!

E poucos meses depois de ter concluído o curso eu deixei o ARCHICAD de lado.

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM? Descubra!
Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

ARCHICAD com Enscape

 

Os escritórios por onde passei estavam muito envolvidos com o AutoCAD, pouco se falava em BIM naquela ocasião, e infelizmente eles não deram oportunidade para o programa…

E assim passaram-se alguns anos até que em meu próprio escritório com os meus próprios projetos eu adotei o ARCHICAD como o meu programa BIM.

Da versão 9 a qual iniciei em 2005 para a última versão mais recente, muita coisa mudou, no entanto, a simplicidade de sua interface continua ainda melhor!

Com interação intuitiva as ferramentas do ARCHICAD são super flexíveis e permitem que o arquiteto desenvolva qualquer tipo de arquitetura das mais tradicionais até as orgânicas ou sem forma definida.

Além claro; da documentação dos projetos de arquitetura pra aprovação, elaboração dos projetos executivos e por que não, projetos de interiores?

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM?

Do CAD ao BIM

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM? Descubra!
Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

 

Sim! Tudo isso é possível de forma simples e gostosa com o ARCHICAD só até aqui já deu para entender por que escolhi o ARCHICAD como meu programa favorito.

Para quem trabalha com Sketchup é como se ele fosse um SketchUP BIM, muito intuitivo e fácil de se trabalhar.

Quer mais provas?

Por isso se você ainda não se rendeu ao BIM eu sugiro que você procure conhecer mais sobre o ARCHICAD e descubra todo o potencial que este maravilhoso programa apresenta.

Como o ARCHICAD é possível criar plantas passando por todas as fases e renovação do projeto, desde um layout simples, até um layout mais humanizado. Projetos executivos? Simplesmente fantástico.

Você configura as plantas do projeto e filtra a planta desejada que sairá separada por combinação de layers ou combinação de vegetais como o ArchiCAD o chama, veja a seguir:

Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

 

Publicidade - OTZAds
Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

Combinação de Vegetais

 

Plantas de demolição?

Muito fácil com a utilização da ferramenta Renovação, veja a seguir as paredes coloridas representando a demolição e a construção:

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM? Descubra!
Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

Um desenho e tudo documentado.

Em um programa BIM o arquiteto se preocupa mais na criação do modelo principal, e os demais desenhos como cortes, vistas e detalhamento nascem praticamente prontos, sem a necessidade de desenha-los. Basta salvar o mapa do projeto e criar a layout dos desenhos na folha.

Basta salvar o mapa do projeto e criar a layout dos desenhos na folha.

Veja a imagem a seguir.

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM? Descubra!
Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

 

Por isso de início a sensação que se tem é que trabalhar em BIM é demorado quando na verdade se poupa muito tempo na fase pós modelagem.

Paginação de pisos e outros

Com o ARCHICAD é possível criar plantas de paginação de piso, forro de gesso com modelagem de tabicas e sancas, planta de iluminação, representações de demolição, existente e reconstrução, tudo isso a partir de um único modelo, isso é possível através do uso da combinação de layers que filtram os layers necessários pra cada tipo de planta. Uma belezura!

Confira também:  Como criar paredes compostas no ARCHICAD? Confira!
Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

 

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM? Descubra!
Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

 

Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM?

Veja mais motivos:

Mobiliário em 3D para projetos de interiores

Problemas com modelagem de mobiliário para projeto de interiores? Diferentemente do Revit as ferramentas de modelagem do ARCHICAD permitem que você modele qualquer objeto e mobiliário em todas a dimensões, inclusive direto no 3D, as ferramentas oferecem muita flexibilidade.

Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

Modelo 3D a partir dos filtros de mobiliário -WIP

 

A nova biblioteca nativa do ARCHICAD principalmente hoje vem com componentes altamente parametrizáveis: Armários da cozinha, dormitórios, gabinetes dos banheiros, e muitos outros elementos já vem prontos para você editá-los sem precisar modelar absolutamente tudo do zero, você reaproveita o que já tem e só complementa a modelagem com o que não tem.

Não tenha medo das paredes compostas, rampas, escadas, telhados e terrenos, hoje o ARCHICAD conta com um modus operandi muito amistoso em relação as versões anteriores.

Desde algumas versões anteriores para cá, o ARCHICAD na versão Brazilian já vem configurado com todos os padrões atuais das Normas Brasileiras, uma preocupação da Graphsoft para que nós arquitetos possamos investir nosso tempo no que é mais importante, ou seja no projeto em si, as normas já estão aplicadas.

 

Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

 

Você se quer precisa se preocupar com configuração de cotas e pena, cálculo de escadas, guarda-corpo entre outros, e o melhor é que a cada versão essa padronização vem sendo atualizada.

Preocupado com as folhas padrão de impressão? No ARCHICAD as folhas mestre deixaram de ser um transtorno, pois configura-las deixou de ser um bicho de 7 cabeças!

Tudo o que você precisa fazer é configurar os layouts mestres para impressão com a folha padrão do seu escritório e organiza-las no navegador de projetos do seu template. Uma única vez!

Veja a seguir na lateral direita da imagem o local onde está localizado o navegador de projetos:

 

Imagem Acervo Pessoal: Curso de ARCHICAD – www.aarquiteta.com.br/curso-gratis-archicad/

 

Planta de Checagem Estrutural

É lindo quando é chegado o momento de fechar uma prancha de desenhos, se houver uma alteração no modelo e a prancha já estiver sido fechada a alteração será detectada e todas as alterações serão realizadas automaticamente nos desenhos e nas folhas já diagramadas. Fantástico!

Uma coisa muito importante para se trabalhar com BIM é ter um bom template, algumas profissionais mais experientes no assunto comercializam templates prometendo produtividade e performance no entanto cada escritório possui sua própria expressão gráfica, por isso é importante que você aprenda a criar seu próprio template ou contrate um profissional de implementação BIM para que ele possa te auxiliar na criação do seu template baseado nas suas necessidades gráficas e de imagem 3D.

Não se iluda, um bom template, ou melhor, o seu template mesmo que seja oriundo a princípio de um template já existente ele nunca será adequado e perfeito para você, a cada novo projeto novas modificações vão sendo adicionadas em seu template, isso é o que eu chama de um template vivo, e a cada novo projeto é só você atualizar e salvar uma nova versão atualizada.

Publicidade - OTZAds
Confira também:  Como trabalhar com conjunto de canetas no ARCHICAD? Aprenda aqui!

Por que escolhi o ARCHICAD como meu programa BIM?

Pensa que acabou?

O ARCHICAD possui em renderizador próprio para você apresentar o seu projeto em imagens 3D foto realistas utilizando o Cinerender, o renderizador do próprio programa.

E como um bom programa BIM que se preze você vai aprender a extrair as informações dos quantitativos do seu projeto, assim como criar tabelas de esquadrias, áreas entre outras.

Se você trabalhar com o ArchiCAD mas seu colega engenheiro não, o ARCHICADinda tem a possibilidade de salvar o seu projeto em arquivo IFC que possibilidade a compartilhazação da informação da modelagem.

Chega de leva e traz de um programa para o outro com o ARCHICAD é possível que você desenvolva todas as etapas do seu projeto incluindo detalhamento de mobiliário e imagem 3D de qualidade em um único programa, com 0% de perdas e tudo centralizado sob o seu controle.

Bom, já deu pra perceber né? ARCHICADé o meu programa BIM favorito, quem conhece escolhe a Graphsoft!

Não espere 2021 chegar! Não deixe para a última hora! Comece hoje a investir no seu futuro! Aprenda BIM, aprenda o BIM do ARCHICAD!

E você que já trabalha em BIM, qual seu programa BIM favorito? Conte-nos porquê!

Obrigada Graphsoft

Veja mais:

Você sabia que pode começar a aprender a usar o ARCHICAD agora, e não pagar nada por isso?

Basta acessar o meu curso grátis Projeto em BIM do Zero ao Render com ARCHICAD e Twinmotion

E aí, gostou do artigo?

Então compartilhe com os amigos!

Em fim, não se esqueça de me deixar saber nos comentários o que você achou do artigo.

Até a próxima dica!

►Veja mais dicas em:

Quer mais dicas então confira alguns dos nossos artigos sobre:

► Siga-nos nas redes sociais:

Além disso, confira nossas redes sociais, siga-nos em: