Paisagismo – O que é, Tipos, Técnicas e Funções.

Paisagismo — O que é, tipos, técnicas e a sua função.

———— PUBLICIDADE ————

Paisagismo — O que é, tipos, técnicas e funções.

O que é Paisagismo?

paisagismo formal

———— PUBLICIDADE ————

Paisagismo é mais que apenas criar jardins e praças, como muitos acreditam.

Na verdade, é uma técnica muito refinada de criar paisagens que podem substituir espaços perdidos pela construção.

O paisagista tem que usar elementos da botânica, ecologia, estilos arquitetônicos e até mudanças climáticas em cada região.

Sua missão é criar áreas de paisagem que possam substituir trechos de terra destruídos por construções irregulares.

O paisagismo é a arte de criar paisagens bonitas e funcionais.

Engloba o planejamento, administração e manutenção de áreas públicas (na periferia de uma cidade ou no interior de uma), a fim de criar pequenas e grandes paisagens.

———— PUBLICIDADE ————

Esta arte requer uma combinação de recursos artísticos (conhecimento de plantas, conhecimento de cores, etc.) e percepção estética.

Também requer conhecimento de como combinar diferentes formatos e cores de paisagem para criar um produto final equilibrado e coeso.

O Paisagismo é semelhante à Arquitetura enquanto é um desafio decorar uma paisagem, por isso é mais uma extensão do curso de Arquitetura.

O cenário natural também tem que ser construído, como qualquer outra construção.

O paisagismo começou como uma forma de melhorar a estética de um espaço e cresceu para se tornar um campo altamente científico, tendo como objetivos o aconchego, a intimidade, a proteção e a praticidade.

———— PUBLICIDADE ————

A disciplina de Paisagismo está focada em melhorar a relação entre as pessoas e seu ambiente, e pode ser encontrada em quase todos os lugares onde as pessoas vivem.

Mais recentemente, descobriu-se que adicionar espaços verdes a grandes empresas ajuda no crescimento da produção e que os trabalhadores nas fábricas podem aliviar o estresse utilizando a área.

O paisagismo passou de um simples projeto de jardim para um trabalho muito maior e mais complicado.

Hoje, paisagistas podem ser encontrados trabalhando em espaços comerciais e dentro de residências, pois cada vez mais pessoas buscam o contato com a natureza em espaços que naturalmente carecem dela.

O que é um Projeto de Paisagismo?

paisagismo tropical

Projeto de paisagismo é um gráfico ou diagrama que detalha todas as informações necessárias para a execução da obra, criando um ambiente onde arquitetura e natureza convivem em harmonia.

Uma pessoa que conhece tanto arquitetura quanto botânica deve criar um projeto de paisagismo.

Antes de iniciar um projeto de paisagismo, o paisagista deve primeiro estudar e planejar o projeto. Este é o primeiro passo do processo.

O paisagismo exige que o profissional primeiro entenda as necessidades de seu cliente.

Essa etapa pode ser um pouco complicada porque muitas pessoas pensam em jardinagem quando pensam em paisagismo, o que pode tornar a comunicação confusa.

O paisagista tem que gastar muito tempo entendendo os desejos de seus clientes.

Uma maneira é pedir exemplos do que o cliente gosta e explicar o que pode e o que não pode ser feito, ou pedir ao cliente, referências do que ele gostaria.

O paisagista deve estudar a área e obter informações sobre o tipo de solo, como a área está orientada em relação ao sol e quais as plantas existentes na área.

Em seguida, eles devem elaborar um plano, usando todas as informações coletadas, detalhando quais elementos estéticos e funcionais estarão no plano final.

Após a aprovação da minuta do projeto, passamos para a próxima etapa: o projeto executivo.

Nesta etapa, toda a sua criatividade deve ser usada, sem deixar de considerar as preferências do cliente.

O paisagista trabalhará nesta fase com informações mais detalhadas sobre o anteprojeto, incluindo adubação, irrigação, iluminação e orçamento, tempo de execução, materiais utilizados e espécies.

Esta é a etapa em que são apresentados os tamanhos dos poços, com as informações de manutenção.

O trabalho em si e tudo o que é necessário para mantê-lo funcionando.

Os problemas e soluções relacionados ao paisagismo urbano e arborização.

Quais as técnicas de Paisagismo?

paisagismo mediterraneo

As técnicas de paisagismo na arquitetura ajudam os profissionais a considerar as plantas de interior que trabalharão em determinadas áreas, jardins suspensos, bem como o solo e o ambiente ao redor da área em que estarão trabalhando.

Essas técnicas são importantes para definir quais seriam as intervenções paisagísticas na arquitetura.

As técnicas de paisagismo utilizam os recursos das plantas em seu projeto, a fim de criar espaços funcionais e harmônicos.

Essas técnicas visam preservar espécies de plantas e produzir ambientes bons para uma vida sustentável a longo prazo, enquanto ainda são bonitos.

O resultado tem que ser um estilo estético, mas o objetivo principal de um arquiteto paisagista não é apenas a estética.

Quais são os tipos de Paisagismo?

O paisagismo não é um projeto único, mas sim todo um universo de projetos diferentes.

Portanto, deve o paisagista tenha um senso artístico e considere a área específica em que estará trabalhando, pois sua arte será incorporada àquele local.

Ao escolher um estilo de paisagismo, é melhor considerar várias opções, como variedade de plantas e técnicas, para que o resultado tenha mais diversidade e se adéque às necessidades do cliente.

Abaixo estão algumas categorias de jardins, sobre as quais entraremos em mais detalhes.

Horta Rural:

As hortas podem ser categorizadas de muitas maneiras. Uma maneira é olhando para a sua localização. Um jardim rural estaria localizado em uma área rural (campo).

Eles são geralmente encontrados atrás de casas nos subúrbios ou em grandes propriedades com fazendas, ou estábulos.

As hortas rurais são muitas vezes feitas com o propósito de adicionar mais espaço verde a uma área que pode não ter muita vegetação naturalmente.

Jardim contemporâneo

é projetado para ambientes mais rurais, como fazendas ou ranchos.

Os jardins têm elementos mais naturais, usando seixos, cascalho e até pedra natural.

Os enfeites são mais rústicos, e destacam o entorno.

As plantas e flores se combinam, com textura e cor finas. Uma banheira de hidromassagem, campo de futebol, quadra de vôlei e piscina são exemplos de decorações que funcionam bem no modelo de jardim moderno.

Essas adições aprimoram e complementam o paisagismo, proporcionando um ambiente mais aberto.

Jardim formal

Os itens de decoração têm linhas retas e simples, e o fundo do espaço é realçado por plantas de diferentes cores, texturas e formatos.

A pavimentação é mais lisa e menos moldada, pois este estilo utiliza muitas linhas retas e elementos de decoração simples.

O modernismo remete a uma sensação dramática, teatral, e os materiais usados ​​neste tipo de mobiliário são mais caros e sofisticados.

O mobiliário é composto equilibradamente, rígida, com desenho geométrico. Os vasos de cerâmica são lindos elementos de decoração.

Jardim colonial

é um jardim que usa itens de fazendas coloniais ou períodos, como antigos muros de pedra, fontes e lagos.

Embora possa ser confundido com o paisagismo rural, os elementos decorativos de um jardim colonial vêm do período colonial da história de um país.

Jardim Mediterrâneo

Um jardim mediterrâneo é uma versão de um jardim de praia. Inclui plantas que precisam de pouca rega e muita luz; videiras, limoeiros, alecrim e outras plantas.

Este estilo de jardim utiliza decorações marinhas, como pequenas fontes, pátios e conchas de terra e cerâmicas usadas em projetos de pavimentação.

Jardim japonês

paisagismo

 

é um dos quatro principais estilos de paisagismo.

Os jardins japoneses usam três elementos principais para criar uma área de jardim bem composta: pedras, bambu e água.

Esses elementos são usados ​​em número ímpar e combinados com bonsai, cerejeiras, coníferas, arbustos e flores perenes (samambaias avencas, cedro japonês, cerejeira rosa japonesa).

Os lagos no jardim representam um refúgio pacífico para criaturas aquáticas e significam pureza, vida e paz.

Estes jardins pretendem trazer tranquilidade e paz de espírito a quem os visita, com um equilíbrio entre a natureza e o ambiente destinado a inspirar a meditação.

Conhecido mundialmente por seus jardins com plantas tropicais e subtropicais, Burle Marx é o paisagista por trás desse estilo de jardim. Jardins neste estilo apresentam plantas grandes e estruturais, bananeiras, bromélias, gengibre, helicônias, palmeiras, orquídeas e outras plantas de cores vivas.

Este estilo de jardim também não pode faltar pedras, fontes e lagos, e deve parecer o mais natural possível, usando texturas e nuances.

Quem realiza os projetos de Paisagismo de uma cidade?

paisagismo contemporaneo

Paisagistas podem ser arquitetos, agrônomos e outros profissionais técnicos especializados em paisagismo hoje.

A arquitetura de uma paisagem é a área de múltiplos campos de estudo (incluindo, mas não se limitando a matemática, ciências naturais e sociais, engenharia, tecnologia, política, etc.), e não apenas o plantio de flores.

E aí, gostou do artigo sobre paisagismo?

Então compartilhe com os amigos!

Quer mais dicas sobre o mundo da Arquitetura e Decoração, então confira alguns dos nossos artigos em:

 

YouTube video
Espero que este artigo tenha ajudado você! Então deslize a tela para baixo e confira mais dicas como esta e não se esqueça de compartilhar com os amigos! Conheça e se inscreva para receber dicas em nosso Facebook e em nosso canal do YouTube. Quer mais dicas sobre o mundo da arquitetura e Decoração, então confira alguns dos nossos artigos em:
html Copy code
Luciana Paixão
Luciana Paixãohttps://www.aarquiteta.com.br
Luciana Paixão, arquiteta e instrutora renomada, autora do "Guia Abrangente para Aprovação de Projetos de Prefeituras", é reconhecida desde 2013 no campo da arquitetura. Destacada como Mente Influente pela Revista "Negócios da Comunicação" e premiada por seu trabalho em mídias sociais, Luciana acumula mais de 400.000 seguidores, consolidando sua posição de liderança no setor.